quarta-feira, 24 de fevereiro de 2016

JN foi "ouvir" Lula e escutou resposta sobre mansão dos Marinhos.

terça-feira, 23 de fevereiro de 2016


Na segunda-feira (23), o Jornal Nacional da TV Globo teve overdose de Lava Jato. Uma matéria de 9 minutos sobre o pedido de prisão ao publicitário João Santana. Achou muito? Pois teve outra matéria de 3m33s sobre... João Santana. Outra de 2m44s sobre um engenheiro ligado a um estaleiro que também foi preso.

E mais outra de 2m45s, dizendo que o relatório da PF cita Lula. Isso porque encontraram anotação de 2013 no telefone de Marcelo Odebrecht onde está escrito: prédio IL R$ 12,4 milhões. O policial que fez o relatório deduziu que IL poderia ser Instituto Lula e poderia haver "crime". Se a PF tivesse mais cuidado, em vez de fazer especulações, conferiria (até no Google) que a sede do Instituto Lula é uma casa, boa mas sem luxo, no mesmo lugar que já funcionou o Instituto da Cidadania há anos e pelo aspecto que ainda tem hoje (lembram-se da bomba que explodiu na garagem?) é praticamente impossível que custasse sequer uma fração disso se tivessem derrubado a casa inteira e construído de novo. O Instituto emitiu nota a respeito, reproduzida no final.

Mas ainda não acabou. Teve outra matéria de 2m47s sobre a "repercussão em Brasília", dando palanque para Aécio Neves pregar o golpe paraguaio.

Se você já está dizendo "Ufa!" (eu não assisti nenhuma destas matérias, apenas vi a duração dos vídeos na internet), ainda tem mais uma. Essa foi "só" de 1m07s com William Bonner lendo que a polícia federal abriu inquérito para investigar obras "no sítio frequentado por Lula" (depois da mansão em Paraty, o JN já não fala que o sítio é de Lula, e sim frequentado).

Ao "ouvir o outro lado", veja como Bonner noticiou a resposta do Instituto Lula:

"O instituto afirma ainda que o ex-presidente Lula não oculta patrimônio, paga impostos e não registra propriedade pessoal em nome de empresas de fachada com endereço em paraísos fiscais".

Lula claramente falou da mansão da família Marinho em Paraty em nome da Agropecuária Veine constituída através de offshore's em Las Vegas e no Panamá, no esquema Mossack Fonseca.

Nota do Instituto Lula: Esclarecimentos sobre a sede

Desde que foi criado, em 2011, o Instituto Lula funciona em um sobrado adquirido em 1991 pelo antigo Instituto de Pesquisas do Trabalhador. No mesmo endereço funcionou, por mais de 15 anos, o Instituto Cidadania. Originalmente, era uma imóvel residencial, semelhante a tantos outros no bairro Ipiranga, zona sul de São Paulo.

Portanto, não há sentido em fazer ilações sobre velho imóvel.

Ao longo desses 20 anos, o endereço e o compromisso do Instituto Lula com a democracia e a inclusão social permanecem os mesmos.

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva sempre agiu dentro da lei e a favor do Brasil antes, durante e depois de exercer a presidência da República.

Sem comentários:

Internautas de Bom Jardim discutem no face: ninguém quer Miguel mas não. Quem não quer é tu Eu quero Miguel...

Janjão e Miguel dão sinais de unidade na política de Bom Jardim Os sinais de união política entre os pré-candidatos a prefeito d...